Biografia

Nasci na cidade de São Paulo em 1973.

Atualmente, sou Mestrando na Universidade São Judas Tadeu, na Linha de Pesquisa Gestão do Espaço Urbano. Nesta Pesquisa, estou desenvolvendo uma abordagem inovadora para Educação Ambiental nas escolas. Uma das ferramentas que estou desenvolvendo é uma Cartilha de Educação para o Desenvolvimento Sustentável, um material didático que utiliza a Linguagem Visual e do Humor para abordar dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, metas da Agenda 2013 liderada pela ONU.

Sempre gostei de desenhar e logo cedo descobri os potes de tinta, os lápis de cor e, o mais importante, os papéis, que preenchi com centenas de desenhos. Não demorou muito e as minhas ilustrações bateram asas rumo a muitos e muitos livros que ilustrei ao longo de mais de vinte anos de carreira. Entre eles, destaco alguns, de escritores muito queridos, que tive a honra e o prazer de ilustrar: Eugênio, o gênio e Borba, o gato, ambos de Ruth Rocha; O jacaré com dor-de-dente, de Walcyr carrasco; A incrível fábrica de xixi, cocô e pum, de Fátima Mesquita, e Rosalinde não para de pensar, de Christine Nostlinger, entre muitos outros.

Além de livros de literatura, ilustro com bastante frequência livros didáticos para grandes editoras como Moderna, FTD, Scipione e Positivo, entre várias outras.

Também escrevi alguns livros, entre eles Ser criança é – Estatuto da criança e do adolescente para crianças (que foi até adotado pelo PNLD 2013, com uma tiragem de 98.000 exemplares!), Ser humano é – Declaração universal dos direitos humanos para crianças, Ser idoso é – Estatuto do idoso para crianças, O livro do lobisomem, Sob controle e criei a Coleção Todo mundo tem direitos.

Outra coisa que crio regularmente são Histórias em Quadrinhos Institucionais.

Sou proprietário do estúdio Verbo e Arte Comunicação, que cria e desenvolve jornais, revistas e diversas outras publicações e projetos gráficos para diversas empresas.

E como se isso tudo não fosse o bastante, ainda encontro tempo para viajar ministrando cursos e oficinas em escolas, tais como o projeto Literatura Viva do SESI, cursos livres da Universidade do Livro da UNESP e diversas outras instituições como FNDE e CBL.

2 comentários: